Dúvidas sobre check-in

Quais são os tipos de check-in?

Há quatro tipos: o tradicional, no balcão de atendimento da companhia no aeroporto; o auto check-in, em que o passageiro com bilhete eletrônico faz o check-in em um totem e o on-line, realizado no site das companhias. Muitas vezes este tipo é restrito às passagens compradas na internet e não disponibiliza o cartão de embarque, que deve ser retirado no aeroporto em um balcão especial (com atendimento mais rápido). Há também o check-in telefônico, em que o passageiro também só precisa retirar o cartão de embarque em um balcão especial – em algumas companhias, esse tipo de check-in está disponível apenas para os clientes vip.
Devo fazer o check-in quanto tempo antes do vôo?
Para vôos nacionais, o check-in deve acontecer até meia hora antes do vôo; para internacionais, é preciso chegar com duas horas de antecedência. Em viagens para os Estados Unidos, é aconselhável chegar até três horas antes, pois o procedimento é bem mais demorado.

Se eu chegar depois do horário do check-in, consigo embarcar?

A Polícia Federal e a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) determinam que o check-in de vôos internacionais deve ser encerrado uma hora antes do vôo. Quem chega depois disso não consegue embarcar.

Que documentos preciso apresentar?

Passaporte e RG (carteira de motorista e identidades trabalhistas não são aceitas em vôos ), vistos e vacinas, quando forem obrigatórios – no caso da vacina contra febre amarela, é preciso tomá-la mais de dez dias antes. Alguns países, como a África do Sul, também exigem que o passaporte seja válido até 30 dias após a data de volta e que haja uma página completamente em branco. Verifique o procedimento no país que você visitará.