Nacionais - Itacaré

O que fazer - geral

Para quem gosta de sol, mar, praias virgens, rios e cachoeiras, Itacaré é o lugar ideal.

Situado entre o mar e a Mata Atlântica, possui além das belezas naturais, um povo alegre e hospitaleiro e que joga capoeira como poucos outros! Seu litoral é repleto de praias belíssimas, muitas delas tão pequenas que nem aparecem em mapas ou em guias de viagem. As praias de Itacaré atraem muitos surfistas, em função das ondas fortes e das águas quentes o ano inteiro, inclusive no inverno. A região possui também rios e cachoeiras que valem a pena ser visitados.

E de repente só se fala em Itacaré. Quem não está indo parece ter acabado de voltar. Afinal: o que é que ela tem? Antes de mais nada, muito verde: até 98 o acesso não era asfaltado, e a costa escapou de ser loteada como o resto do litoral. Graças a essa preservação ambiental, ela nasceu para o turismo com o selo “ecoaventura”.

A paisagem é sui generis na Bahia: prainhas cercadas por densa mata atlântica num astral muito mais para Ubatuba do que para Praia do Forte. A maioria delas continua selvagem, com acesso controlado pelas fazendas onde estão situadas.

A vila é antiga, construída no apogeu do cacau, e tem alguns casarões históricos que viraram pousadas e restaurantes. A maior parte dos visitantes, no entanto, fica na Praia da Concha a primeira ao lado do centro, onde existe um loteamento praticamente só de pousadas. Depois da Concha, as praias do Resende e da Tirica são points de surfistas, e a popular Ribeira é o ponto de partida para a caminhada de 40 minutos até a Prainha (contrate um guia). Fora do verão (e mesmo em julho), a vila recobra o sossego de antes da estrada. Se tudo o que você quer é andar por trilhas dentro da mata fechada e encontrar praias desertas, vai adorar

 

O essencial

*DDD: 73

*Informações turísticas: www.bahia.com.br

*Melhor época: alta temporada para quem gosta de agitação, e baixa temporada para quem prefere um pouco mais de tranqüilidade

*Transporte: corpo mole não combina com Itacaré. Ali se caminha. E muito: as praias ficam distantes da estrada, com acesso por trilhas íngremes

 

 

Distâncias das capitais

*São Paulo (SP): 2333 km

*Rio de Janeiro (RJ): 2007 km

*Belo Horizonte (MG): 1711 km

*Brasília (DF): 1738 km

*Salvador (BA): 281 km

*Porto Alegre (RS): 3398 km

 

Aeroporto mais próximo

*Ihéus

 

DSC00327 edit_IMG_4786 imagem-1 Itacare rafting09

Dicas

Surfe, natureza e agito em Itacaré

Itacaré é um destino convidativo para quem tem surfe na veia e está a procura de bastante agito e ondas perfeitas. No outono e no inverno as ondas chegam a atingir até 3 metros de altura. Os melhores locais para praticar esse esporte são: Prainha, Tiririca, São José e Jeribuaçu

Tiririca é freqüentada por muitos destes atletas e é também o principal palco de campeonatos. Lá, dois picos se destacam: do lado esquerdo, junto o morro, quebram excelentes direitas bem cavadas, enquanto que na fronteira com a Praia do Resende, quebram esquerdas mais extensas e menos tubulares.

Cartão-postal de Itacaré, a Prainha é considerada uma das mais belas praias do Brasil. As mais afastadas são desertas e lindíssimas, mas poucas oferecem acesso para carros.

A região é rica em rios e cachoeiras. O Rio de Contas, que nasce na Chapada Diamantina e deságua no mar próximo a cidade, é o maior curso de água do município. Ele é navegável por 20 km, até o povoado de Taboquinhas, distrito de Itacaré. A mais freqüentada é a do Cleandro, perto do rio de Contas e da cidade, mas há muitos outros lugares onde se pode encontrar passeios pelas trilhas da serra.

Este paraíso também proporcionam boas opções para andar de rafting e caiaque. As saídas de caiaque são feitas as 09h30, com veiculo que conduz os visitantes até o rio Tijuípe. Estas águas nascem na serra do Conduru e sua foz está na Praia do Patizeiro. Os passeios são feitos em trechos do rio com extensão de 4 km, água limpa e transparente, ondeturista pode tomar banhos refrescantes e entrar em contato com uma exuberante mata ciliar.

ATRAÇÕES

Algumas das atrações de Itacaré que valem a pena ser visitadas:

Praia da Concha

É a praia mais próxima do centro da cidade e também, a mais movimentada. Tem cabanas servindo petiscos e bebidas, onde é possível alugar buggies e barcos para passeio.

Praia do Resende

Também é próxima ao centro da cidade, mas fica vazia e tranqüila o ano inteiro.

Praia de Jeribucaçu

Esta praia fica a 5 km ao sul da cidade. Como fica dentro de uma fazenda, o acesso de carro é complicado. A alternativa é seguir a pé pela trilha que leva à praia. Quem preferir entrar de carro, precisará de um 4×4 e autorização do proprietário para abrir a porteira e entrar na fazenda.

Waypoints

Praia da Tiririca

Praia muito conhecida dos surfistas, pois ali acontecem algumas etapas do Campeonato Baiano.

Praia do Pontal e Piracanga

Estas praias ficam do outro lado do rio e possuem ondas fortes, também boas para o surfe.

Prainha

Esta pequena e belíssima praia é acessível apenas a pé, por uma trilha de meia hora que sai da Praia do Ribeira, uma das mais procuradas durante o verão. O passeio é muito bonito e a praia, simplesmente deslumbrante.

 

Praia de São José, Engenhoca e Hawaizinho

O acesso a estas praias só pode ser feito pelo mar ou por trilhas pela mata. São as preferidas pelos aventureiros.

Rio de Contas

Quem quer fazer um programa diferente pode fazer um passeio de aproximadamente quinze minutos por este rio, desembocando em uma cachoeira lindíssima.

Cachoeiras

Itacaré possui diversos rios e cachoeiras, sendo as maiores as de Pancada Grande

 

Atividade Noturna

A noite é agitada no centro de Itacaré. Pode-se ouvir e dançar desde reggae, na Praia do Coroinha, até forró, no Magia da Bahia Freak Bar. Na Praia das Conchas o luau é garantido.

 

GEOGRAFIA e HISTÓRIA

Clima

Como a maioria dos lugares do nordeste brasileiro, Itacaré pode ser visitado o ano inteiro, pois há sol e águas quentes tanto no inverno, quanto no verão. As chuvas se concentram no período do inverno (julho/agosto), mas não chegam a atrapalhar os visitantes.

Vegetação

A vegetação da região de Itacaré é basicamente Mata Atlântica, predominante na região. Apesar das iniciativas a favor da preservação, o desmatamento já abriu feridas graves no local. Foi recentemente inaugurada uma Área de Proteção Ambiental (APA) no município e também um programa de educação ambiental na tentativa de frear o desmatamento.

Relevo

Faz parte do cenário de Itacaré o mar da Bahia, praias de areia branca e solta, coqueiros e a vegetação da Mata Atlântica.

História e Cultura

Seus primeiros habitantes foram os índios Pataxós. Já no início do século XVII, os jesuítas chegaram à cidade e construíram a Igreja São Miguel, presente até hoje em Itacaré. Foi um importante porto na época das navegações e começou a declinar com o surgimento das rodovias. A exploração do cacau no século XIX impulsionou sua economia, porém, atualmente, o turismo é a atividade que mais cresce.

 

DICAS GERAIS

O que levar?

-Chapéu

-Maiô / Biquini

-Máquina fotográfica

-Protetor solar

Dicas Especiais

Algumas atrações ficam em propriedades particulares, por isso sempre é bom andar com algum dinheiro.

Hospedagem

É possível se hospedar no centro da cidade, mas a maioria das pousadas de Itacaré ficam no bairro da Concha. Não existem grandes hotéis, mas é possível encontrar pousadas aconchegantes nesta região.

Alimentação

Itacaré oferece diversas opções de restaurantes e bares e a cidade tem como especialidade peixes e frutos do mar. Durante o dia, as cabanas nas praias da Concha e da Ribeira servem bebidas e petiscos.

Unfortunately there are no hotels at this location at the moment.

Unfortunately there are no self-catering offers at this location at the moment.

Unfortunately there are no tour offers at this location at the moment.