Nacionais - Campos do Jordão

O que fazer - geral

Friozinho da serra em Campos do Jordão

A 1.700 metros de altura, Campos do Jordão une a agitação dos bares e shows com a tranquilidade da Serra. Entre as vilas, a mais badalada é Capivari, que ferve na temporada. Muitas casas noturnas de São Paulo, inclusive, sobem a serra no inverno só para fazer a alegria dos friorentos turistas. A distração fica por conta das inúmeras galerias cheias de novidades, seja em malhas, chocolates ou vinho. Vale a pena conhecer o morro de Elefante, o Horto Florestal e também a cervejaria Baden Baden, disputadíssima, que prepara as mais saborosas cervejas artesanais

Localização:

*Estado: São Paulo

*Idioma: Português

*Clima:

*Temperatura: 17º C

*Moeda: Real

*DDD: 12

Distâncias:

*São Paulo: 167km

*Rio de Janeiro: 303km

*Taubaté: 36km

 

Dica:

DSCN86871

po teleferico-campos-do-jordao-13 Vista_de_Campos_do_Jordão 13923248572

Dicas

A Estrela da Serra

Localizada na Serra da Mantiqueira, a cerca de 167 km da cidade de São Paulo, a Estância de Campos do Jordão faz sucesso por causa das belas paisagens e do clima frio, que chega a 5 graus negativos durante o inverno. Por estar a 1700 metros de altitude, o ar que se respira é um dos mais puros do Brasil, com alto teor de oxigenação.

Há três pólos principais: a Vila Abernéssia, centro comercial e administrativo de Campos; a Vila Jaguaribe, residencial e turística e a Vila Capivari, principal centro turístico da cidade, com comércio, eventos, atrações e muito mais. Durante a temporada de inverno que vai de maio a julho, a cidade fica repleta de turistas vindos de várias partes do Brasil, principalmente da capital paulista.

Vila da Saúde

Se hoje o forte de Campos do Jordão é o turismo, no final do século XX, a região era conhecida por receber enfermos que padeciam de doenças respiratórias, principalmente tuberculose, para fazer tratamento em São Matheus do Imbiri, vila que deu origem à cidade.

A pureza do ar desse ponto ganhou fama e aos poucos surgiram várias pensões para respirantes, comércio, casas e assim começaram a se formar as vilas. A primeira, conhecida como Vila Velha deu origem à Vila Jaguaribe. Mais tarde, surgiu a Vila Abernéssia e, por último, a Vila Capivari, fundada pelos médicos sanitaristas Emílio Ribas e Victor Godinho. Aliás, a atividade desses dois médicos foi muito importante para a região. Foram eles que tiveram a ideia de construir uma estrada de ferro que ligasse Pindamonhangaba a Campos do Jordão, para que os doentes pudessem ser transportados com mais facilidade.

A ferrovia foi inaugurada em 1915 melhorando o acesso ao topo da Serra e fazendo a região crescer ainda mais. Só em junho de 1934, a Estância de Campos do Jordão se tornaria um município, pois nessa época a chegada de doentes na cidade estava em declínio e as belezas de Campos começavam a atrair os primeiros visitantes. Após 1940, o turismo foi aumentando cada vez mais e hoje é impossível imaginar Campos do Jordão sem as suas famosas e disputadas temporadas de inverno.

atrações

Badalação e tranquilidade: a mistura certa na Serra

Faça a sua escolha: show na Vila Capivari ou jantar romântico; tarde de compras ou passeio pelas trilhas ecológicas do Horto Florestal; passar a noite em um bar com os amigos ou assistir aos concertos do Festival Internacional de Inverno. Campos do Jordão é essa mistura de agito e badalação com o sossego da Serra, que faz a cidade ser famosa por ter uma das melhores temporadas de inverno do Brasil.

Com clima romântico e temperatura que pode chegar a menos de zero grau entre junho e julho, a cidade costuma receber muito casais de namorados ou em lua-de-mel. A jornalista Cristina França escolheu Campos do Jordão para a viagem de lua-de-mel e não se arrepende. “Eu recomendo Campos aos casais, por ser uma cidade aconchegante, com várias opções de lugares para visitar, comer e se divertir. Além de ser muito romântico curtir um fim de noite pertinho da lareira, tomando um vinho, ouvindo uma música legal”, conta.

Capivari é uma festa

Coração de Campos do Jordão, a Vila Capivari é onde acontece todo o burburinho da cidade. Ali o visitante encontra hotéis, lojas, restaurantes, cafés e bares, todos com a charmosa arquitetura enxaimel, o que faz a cidade ter um ar de Europa. Normalmente agitada, a vila costumam ficar ainda mais cheia durante os feriados e finais de semana da temporada de inverno – que vai de maio a agosto. Além dos atrativos locais, diversas marcas de roupas, carros, motos e outros artigos de luxo promovem ações de divulgação e eventos, agitando ainda mais o bairro.

A grande atração de Capivari é sem dúvida a badalação. Suas ruas são uma verdadeira festa onde celebridades e socialites misturam-se a casais de namorados, famílias, grupos de adolescentes, entre outros. Para completar, muitos programas de TV fazem a cobertura do inverno de Campos, alguns chegam a instalar pontos e estúdios na cidade para registrar a animação dos turistas a cada grau de temperatura que cai.

A Vila ainda reserva o parque Capivari com vários brinquedos para a garotada e o teleférico que leva o visitante até o Morro do Elefante, onde se pode ter uma bela vista de região.

Gastronomia

Delícias da Serra

O friozinho de Campos do Jordão é um convite para conferir a gastronomia da serra, marcada por pratos com molhos encorpados para ajudar a aquecer os dias mais gelados. Boa parte dos restaurantes se inspira na cozinha europeia – que cai muito bem no inverno – logo é fácil encontrar fondue, massas e pratos da cozinha alemã, mas há também boas opções de carnes, peixes e pratos típicos como a feijoada e o bacalhau.

Não deixe de visitar as cervejarias. A mais famosa é a Baden Baden, que produz suas cervejas artesanais de alta qualidade ali mesmo na cidade. Seu restaurante na Vila Capivari é um dos pontos de encontro mais badalados de Campos, com mesinhas na calçada e um ambiente muito agradável.

Claro que para aplacar o frio não pode faltar chocolate. Em Campos do Jordão há boas opções de barrinhas e bombons produzidos na cidade com um gostinho bem diferente dos chocolates tradicionais. Não deixe de provar também alguns hits da serra como a apfelstrudel, deliciosa torta de maçã alemã, e as frutas cobertas com calda de chocolate.

ONDE COMER:

BADEN BADEN

Serve pratos bem elaborados, além da cerveja artesanal que dá nome à casa. ENDEREÇO: Rua: Djalma Forjaz, 93 | www.badenbaden.com.br

LA GÁLIA

Para quem gosta de provar novos sabores, esse restaurante é especializado em pratos da cozinha gaulesa (região francesa), com carnes raras como cordeiro, avestruz, perdiz, entre outras. ENDEREÇO: Av. Macedo Soares, 340 | www.lagalia.com.br

LE CAPIVARI

Há 25 anos em Campos do Jordão, serve pratos variados, entre eles o fondue. ENDEREÇO: Rua: Gila, 20

BIA KAFFE

Considerado pelo Guia 4 Rodas um dos melhores restaurantes alemães da cidade. Oferece pratos típicos com salsichão e carne de porco e também funciona como café e confeitaria, com uma grande variedade de bebidas quentes e tortas, como a imbatível apfelstrudel. ENDEREÇO: Rua Isola Orsi, 33 | www.biakaffee.com.br.

Compras

Lembranças que aquecem

Quem vai a Campos do Jordão não pode perder a oportunidade de comprar malhas. Várias lojas na cidade oferecem casacos, luvas, gorros, cachecóis, e muitas outras peças coloridas e especiais que vão fazer você recordar sua viagem por muitos anos. Se você mora em alguma região quente do Brasil e precisa se preparar para enfrentar o inverno de Campos, deixe para comprar parte dos seus agasalhos quando chegar na cidade, pois o estilo das peças compensa a espera. Quem quer levar presentes de Campos para a família, os chocolates são ideais. Fabricados artesanalmente na cidade, as barras, trufas e bombons tem um gosto bem diferente das marcas convencionais e agradam pessoas de todas as idades.

Não se preocupe se você não gosta de “bater perna” na hora das compras. O conforto é uma das marcas do comércio de Campos do Jordão. A cidade conta com mais de dez shoppings, em cada um deles você encontra um pouco de tudo o que é oferecido na cidade, com comodidade e segurança. O artesanato da região também é muito rico, produzindo peças de madeiras ou cerâmica que vão desde souvenirs até objetos de decoração.

ONDE COMPRAR:

MALHARIA MAISON GENÉVE

Oferece uma grande variedade de malhas para homens e mulheres. ENDEREÇO: Av. Macedo Soares, 23.

TERRACE CALÇADOS

Sandálias e sapatos femininos. Tem três lojas na cidade, inclusive uma Ponta de Estoque. ENDEREÇO: Macedo Soares, 135 e Djalma Forjaz, 241 (ponta de estoque)

CASA DO ARTESÃO

Para quem gosta de objetos de decoração, souvenirs e artesanato. ENDEREÇO: Av. Frei Orestes Girardi, 4075 – Capivari.

CHOCOLATE ARAUCÁRIA

Barras, bombons, trufas, crispies, língua de gato, presentes, chocolate com frutas e muito mais. ENDEREÇO: Av. Macedo Soares, 135.

SHOPPING BOULEVARD GENÉVE

Muito frequentado, esse shopping já é considerado um ponto turístico na Vila Capivari. Concentra boas lojas de roupas, malhas, acessórios, entre outros. ENDEREÇO: Rua Djalma Forjaz, 93.

Curiosidades

Por que não neva?

Você pode se perguntar: se Campos do Jordão está a 1700 metros acima do nível do mar e sua temperatura no inverno chega a – 5ºC, por que não neva na cidade? Na verdade, o que impede a neve em Campos do Jordão é o seu ar seco, que facilita a geada, mas dificulta a formação dos flocos de neve. Há até quem diga que já nevou na serra nos anos de 1928 e 1942, porém não há confirmação. Em 2000, uma massa de ar polar cobriu o estado de São Paulo e os metereologistas chegaram a prever que finalmente Campos do Jordão ficaria coberta de branco, o que causou a euforia entre os turistas. Entretanto, a previsão não se confirmou e, embora as temperaturas tenham baixado muito, não caiu sequer um floquinho de neve.

Suíça Brasileira

A comparação de Campos do Jordão com a Suíça nada tem a ver com o frio da região ou a arquitetura enxaimel existente na Vila Capivari. Na verdade, o título surgiu quando a estância ainda era famosa por tratar tuberculosos. Os pacientes e médicos diziam que o ar de Campos era tão puro que podia ser comparado ao ar dos Alpes Suíços. E eles não estavam enganados: o clima seco, a pureza do ar e a rarefação da atmosfera de Campos do Jordão facilitam a ventilação pulmonar. No Congresso de Climatologia, realizado em Paris, em 1957, o clima de Campos do Jordão foi considerado o melhor do mundo.

EM BUSCA DO OURO

Uma lenda em Campos do Jordão conta que o desbravador e primeiro dono das terras da região (em 1771), Inácio Caetano Vieira de Carvalho, era um homem tão “mão-de-vaca” que enterrou seu ouro para não dividi-lo. O local escolhido seria uma área localizada entre três pinheiros. Após a morte de Carvalho (1823), a história correu e incentivou muita gente a perfurar e cavar as terras de Campos do Jordão em busca do tesouro.

Unfortunately there are no hotels at this location at the moment.

Unfortunately there are no self-catering offers at this location at the moment.

Unfortunately there are no tour offers at this location at the moment.